sábado, 28 de dezembro de 2013

trocadilho com A Voz da Figueira de 18.12.2013

O título é da notícia do topo da página e o excerto do artigo da notícia dos 2 milhões de toneladas. O trocadilho é nosso. É também nosso o desejo de um maior envolvimento do porto.

Cordão dunar muito fustigado pelo mar na Cova
Administração Portuária da Figueira da Foz está centrada na procura da "sustentabilidade do porto,... disse José Luís Cacho aos jornalistas. Pretende "consolidar a empresa" para que seja "sustentável", mas também para "fazer investimentos necessários para o porto continuar a crescer, satisfazendo as necessidades económicas da região, que deve crescer". "É um processo dinâmico que tem a perspectiva de não parar",...





sábado, 16 de novembro de 2013

a arte-xávega e o surf no Dia Nacional Do Mar


" ...a relação do surf com o mar é directa, a partir da praia como na arte-xávega, a da náutica de recreio é indirecta, a partir de um ancoradouro protegido como nos transportes marítimos. Os primeiros procuram a rebentação os outros fogem dela..."


quarta-feira, 6 de novembro de 2013

terça-feira, 5 de novembro de 2013

CABEDELO @ 25º Congresso Nacional da Hotelaria e Turismo


Realizou-se no início da semana passada o 25º Congresso da Associação de Hotelaria de Portugal (AHP). Miguel Figueira e Eurico Gonçalves foram convidados a apresentar o projecto CIDADE SURF para partilhar a reflexão que têm vindo a desenvolver sobre a importância do surf e do mar para a Figueira, mas também o aprofundamento crítico da formação do produto surf e do seu posicionamento no quadro global. O congresso desta instituição centenária, que goza do estatuto de utilidade pública, procura hoje formas de se reinventar para acompanhar as novas tendências, acolhendo entre outras iniciativas o Tourism Think Tank (TTT) que recebeu e fará também a divulgação da CIDADE SURF. Coube ao Dr. Adolfo Mesquita Nunes, Secretário de Estado do Turismo, a abertura do Congresso que teve lugar em Albufeira e ao Dr. Luís Veiga, Presidente da AHP, o encerramento dos trabalhos, com especial destaque para a praia do Cabedelo e para o projecto CIDADE SURF que abalou a plateia, a qual reagiu com forte entusiasmo a mais uma apresentação contagiante pelos mentores do movimento cívico SOS Cabedelo.

Miguel Figueira e Eurico Gonçalves com Luís Veiga, Presidente da AHP, no 25º Congresso Nacional da Hotelaria e Turismo.

sábado, 26 de outubro de 2013

silêncio






















Guardamos o silêncio em respeito pelas vítimas do naufrágio na barra da foz do Mondego, manifestando o nosso luto por aqueles com quem partilhámos o mesmo mar.

domingo, 20 de outubro de 2013

no vermelho


quarta-feira, 16 de outubro de 2013

beco com saída

Pedro Baía / Diogo Seixas Lopes  (texto) + Jorge Nogueira (Fotografia)
AS PEDRAS ROLANTES DE MONTEMOR-O-VELHO

Esta forma de entender o trabalho do arquitecto, em particular o de Miguel Figueira, representa uma resposta possível para o aparente beco sem saída em que a profissão se encontra. Assumindo o papel de actor interventivo e propositivo, em prol de uma comunidade, Figueira também não tem problemas em sujar as mãos no confronto com o real. É nesse espírito de mediação comprometida que intervém em processos participativos com vários actores (...) como o Movimento Cívico SOS Cabedelo na defesa da Onda da Figueira da Foz (...). É uma forma de militância, que cabe a cada cidadão fazer. Construir, com responsabilidade, o espaço da vida social. 

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Tiago Pires recorda Frederico Morais @ CIDADESURF


Figueira da Foz, september, 2000. I was surfing in a WCT event as a Wildcard. After my Round 3 defeat to C.j. Hobgood I was approached by a shy, smiley, 6 year old kid and his dad for a photo and autograph. I thought to myself. "Wow, surfing is really growing"! I wasn't used to see such young surfer kids with their parents on the beach. Yesterday, this same young men did history for our country and most important for himself as he saw all his work and dedication paid off. Proud of you my little brother 

Tiago (Saca) Pires @ instagram

domingo, 13 de outubro de 2013

CIDADESURF @ Presidência do Conselho de Ministros


Fomos à Presidência do Conselho de Ministros para partilhar com o Dr. Miguel Poiares Maduro, Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, a nossa preocupação com o enquadramento do mar no desenvolvimento futuro da Figueira da Foz, quer na dimensão da valorização do produto na óptica do turismo, quer no contributo para a protecção costeira na frente atlântica. Aqui enquadramos o BYPASS como possível solução alternativa de protecção costeira e simultaneamente de valorização territorial, a sul e a norte do Mondego.
Sugerimos também a clarificação dos relacionamentos horizontal e vertical no que concerne à actuação da administração central relativamente às ondas e ao surf. Na revisão dos documentos estratégicos, como seja o PENT ou a ENM, defendemos a clarificação do produto surf e a necessária articulação horizontal com base nos factores distintivos de competitividade de base territorial, tomando a Europa como quadro de referência para a nossa afirmação no quadro global - a primeira reserva de surf da Europa, a onda mais tubular, a mais alta e a mais comprida... em 150 km de costa (Ericeira, Peniche, Nazaré e Figueira, respectivamente). Na articulação vertical, designadamente nos processos de revisão dos POOC em curso, destacamos a necessidade da consequente inscrição das ondas e da revisão dos processos face ao reconhecimento deste importante activo, sendo certo que no caso da Figueira da Foz a estratégia de defesa costeira não pode atentar contra a onda que a comunidade internacional reconhece como a mais comprida do continente europeu.
Fomos recebidos com enorme simpatia por alguém que connosco partilhou a adolescência na Figueira da Foz e que nos difíceis tempos que o país atravessa entendeu honrar a cidade com o seu contributo neste envolvimento com o serviço público.

sábado, 12 de outubro de 2013

CIDADESURF @ custo zero



sexta-feira, 11 de outubro de 2013

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

votar

Chega ao fim a campanha deles... a nossa continua!


terça-feira, 24 de setembro de 2013

... a norte do Mondego

O mesmo jornal que noticia o saldo positivo deste verão na Figueira da Foz, com uma taxa média de ocupação nos hotéis a rondar os 75%,  destaca também as perdas na praia da claridade. Será então culpa da crise ou será que esta contradição é o reflexo de uma perda bem mais grave ?

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

a sul do Mondego e a norte do canhão da Nazaré...


cabedelo @ RTP

Link RTP aqui.

domingo, 22 de setembro de 2013

a onda mais longa da Europa...





















... O nosso país, Portugal - cujos números do Turismo são escassos,... - teria na verdade condições para ser o melhor país do Surf na Europa... , Portugal tem na Nazaré a Onda Mais Alta  da Europa..., em Peniche a Onda Mais Tubular da Europa... e na Figueira da Foz (Buarcos) a Onda mais Longa da Europa... 
Deveria sempre ter sido óbvio que estas realidades deveriam ter sido tidas em conta, e articuladas entre si...
Em rede... Planeadamente, e em complementaridade, e colaboaração coordenada, nos aspectos turísticos e culturais....

Alfredo Pinheiro Marques @ A Voz da Figueira 28.8.2013 

colher sem semear

Ouve-se por aí que na Figueira o surf não dá. Diz-se que surf é em Peniche e o McNamara só veio à Nazaré confirmar a excepção da regra. Mas aqui é que não, por causa do vento ou da areia, e se não for por isso há-de ser do cu ou até mesmo das calças. Curioso é que continuamos a ser nós, os Figueirenses, os primeiros a desvalorizar o que nos compete proteger... Não, não é assim que se constrói o futuro. O desenvolvimento não cai do céu nem vem do mar, constrói-se com trabalho, com a determinação e a orientação de gente capaz. Está de parabéns o António José Correia, Presidente da Câmara de Peniche, que continua a fazer pela sua terra e pelo nosso mar. Mal continuam os políticos daqui que continuam sem conseguir inscrever o nosso património neste futuro. Aqui na Figueira, onde o mar é fértil para o surf, quando é que vão começar a semear?


sexta-feira, 20 de setembro de 2013

o MAR nas autárquicas 2013 @ CIDADESURF

Link aqui.

autárquicas 2013 @ CIDADESURF

Miguel Almeida, candidato à Câmara pela coligação Somos Figueira, com determinação para tirar a areia da praia da claridade... nem que tenha que ser à pazada!

 
Catarina Martins, coordenadora nacional do BE, no Molhe Sul_ Link RTP.
























José Esteves, candidato à Junta de Freguesia de Buarcos pelo PS, no Cabo Mondego.

António Baião, candidato à Câmara pela CDU, na praia do Cabedelo



esclarecimentos para as autárquicas 2013 @ cabedelo

O Gaspar photo GIF-02B_zpsc5506701.gif
o cão ficou na mesma...

terça-feira, 17 de setembro de 2013

CIDADESURF @ tv ARTE

Notícia do Diário de Coimbra 17/09/2013, vídeo CEMAR.

Interessante confronto com Sérgio Barroso (POOC_OMG) que reitera a viabilidade do BYPASS como sistema alternativo, ainda que não manifeste qualquer intenção da sua inclusão nos cenários de protecção costeira. Ficamos na mesma, reféns das boas intenções...




sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Figueira com surf no top 10

"... muitos dos turistas que passam por este hostel escolhem a Figueira pelo surf..."


sábado, 24 de agosto de 2013

...a onda mais comprida

"A nossa costa não é uniforme. Se na Nazaré existe a maior onda para o surfe, que é uma das suas características distintivas, na Figueira da Foz existe a onda mais comprida"

Contra-Almirante António Silva Ribeiro, Director do Instituto Hidrográfico.


Eurico Gonçalves, Miguel Figueira, Alfredo Pinheiro Marques e António Silva Ribeiro na apresentação pública do programa Qual é a tua Onda? no CEMAR. Eurico Gonçalves e Miguel Figueira integram desde 2013 o Conselho Consultivo e Científico do CEMAR, do qual também faz parte o Contra-Almirante António Silva Ribeiro.

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

qual é a tua onda ? @ CEMAR




























Link para as previões na área da Figueira da Foz aqui.



quinta-feira, 15 de agosto de 2013

ideias esquecidas não fazem cidade

Quando forem removidos os outdoors montados para tentar resgatar a proposta vencedora do Concurso da Praia, não voltará esta novamente a ser vencida pelo esquecimento? Será vencedora uma ideia que assim se perde? Ou será este o seu destino, quando não se lhe reconhece a capacidade mobilizadora que se exige das ideias que fazem cidade. 
Contrasta, por outro lado, o entusiasmo e a visibilidade da proposta que está na base da campanha O MAR À CIDADE, que interpela e mobiliza a cidadania. Capta o seu desejo e manifesta-se na praça pública, como se espera que possa e deva acontecer numa sociedade livre, inclusiva e aberta. Desde o início de 2012 que sabemos quem venceu o concurso, hoje não temos dúvidas de quem ganhou a cidade, mas sobretudo do que a cidade ganhou.









segunda-feira, 12 de agosto de 2013

o rei vai nu



Fomos ao Concurso Público de Concepção (Ideias) para a Requalificação e Reordenamento da Praia e Frente de Mar da Figueira da Foz e Buarcos para dizer: o rei vai nu... E mesmo a desafiar os termos de referência que encerravam uma ideia pré-feita para o lugar, fomos distinguidos com duas propostas. Explicámos que o conceito de sustentabilidade não pode ser invocado sem aferir a consequência que a retenção da areia a norte faz ao sul, e que é o mar o principal elemento natural naquele lugar. Explicámos, e temos insistido, que renaturalizar este lugar obriga à devolução da areia ao mar. Aprofundámos o conhecimento nestes domínios da dinâmica sedimentar e expusemos soluções para o reequilíbrio dos sistemas costeiros, a norte e a sul do Mondego. Defendemos e continuamos a defender o regresso do MAR À CIDADE num processo de transformação dinâmico do território que integra o mar como solução, contrariando o paradigma vigente que insiste em lhe virar as costas. Porque é que o fizemos? Porque alguém tinha que o fazer e coube-nos a nós assumir essa responsabilidade, pelo conhecimento que temos com largos anos de experiência de mar.
É natural que o gabinete de arquitectos de Aveiro, como a maior parte se não a totalidade dos concorrentes, tenha representado mal a praia. Falharam porque acreditam que a vontade do homem adornada pelo virtuosismo do arquitecto pode vencer o mar. E acreditam nisso porque não o conhecem. A imagem produzida pelo gabinete de arquitectos de Aveiro torna manifesto esse erro, porque a praia representada é a que se estabilizou antes do prolongamento dos molhes do Porto Comercial e não aquela que temos hoje, ou menos ainda a que teremos no futuro quando for atingido o limite da saturação. O imenso outdoor, deliberadamente instalado à frente da praia que ainda não parou de crescer, já não consegue esconder a verdadeira dimensão desta calamidade... segue nu, o rei.

domingo, 4 de agosto de 2013

Gabriel, o Pensador


sábado, 3 de agosto de 2013

on-line com Graeme Mcllawin




Beachcam aqui.
Surftotal aqui.

quinta-feira, 25 de julho de 2013

AS BEIRAS em 25 de Julho

Miguel Figueira, Graeme Mcllwain e Eurico Gonçalves.

A VOZ DA FIGUEIRA em 24 de Julho







































Miguel Figueira, Graeme Mcllwain e Eurico Gonçalves na Secretário de Estado do Mar onde reuniram com o Dr. Manuel Pinto de Abreu e responsáveis da Agência Portuguesa do Ambiente.

... da reunião com a Comunidade Portuária saímos com a convicção de que já não há equívocos quanto às nossas intenções, abrindo-se todas as possibilidades à incorporação dos nossos contributos. Também com a Arte-Xávega, que hoje luta por uma excepção à lei que enquadre devidamente esta forma ancestral de relacionamento com o mar, encontrámos grandes afinidades, já que é com esta gente que mais nos identificamos, sendo certo que nós, como eles, encaramos o mar de frente e dependemos da qualidade das ondas, não usamos o porto, mas sentimos bem o seu impacto. Do Dr Manuel Pinto de Abreu continuamos com a melhor impressão, promoveu um encontro que julgamos que terá sido extremamente esclarecedor, na medida em que possibilitou o frente-a-frente dos especialistas da APA com Graeme Mcllwain dissipando toda e qualquer dúvida sobre a tecnologia do BYPASS. Aproveitámos para manifestar o nosso descontentamento no que concerne à revisão do POOC e deixámos a provocação da possibilidade de utilização do depósito de areia em que se transformou a praia da claridade numa solução integrada que viabilize a sustentabilidade da instalação do sistema de BYPASS. Simplificando, avançámos com o sacrilégio da possibilidade de comercialização da areia. Reiterámos a provocação na Prova Oral da Antena 3, onde invocámos a Constituição da República Portuguesa em defesa da nossa posição face à acusação de promoção de eventual ilegalidade que, a verificar-se, não deveria ser motivo de espanto... afinal trata-se de um movimento cívico que procura uma mudança de paradigma. O melhor presságio desta agenda é que não temos nenhum compromisso em integrar qualquer grupo de trabalho ou ficar à espera de supostas comissões de acompanhamento, resposta institucional frequentemente usada para que nada se faça. Estamos portanto optimistas. Expectantes com a possibilidade do fim deste percurso cívico que terminará no dia da reposição da deriva litoral.

DIÁRIO DE COIMBRA em 23 de Julho


Na segunda visita do engenheiro australiano, Graeme Mcllwain, responsável pelo projecto do BYPASS do Tweed River, sistema que defendemos para a foz do Mondego, reunimos na Figueira da Foz com a Comunidade Portuária e no Centro de Estudos do Mar com a Associação Portuguesa de Pesca de Arte-Xávega. Em Lisboa reunimos com o Dr. Manuel Pinto de Abreu, Secretário de Estado do Mar, e responsáveis da Agência Portuguesa do Ambiente.

sexta-feira, 19 de julho de 2013

CIDADESURF passa na Prova Oral


Eurico Gonçalves, Fernando Alvim, Xana Alves e Miguel Figueira, RTP_Antena 3.
Link do programa aqui.

terça-feira, 16 de julho de 2013

this is not a summer campaign

 photo THIS-IS-NOT_GIF_zps9b4efe07.gif

segunda-feira, 15 de julho de 2013